Selecione seu idioma

domingo, 10 de julho de 2011

Dialética:Tese, Antítese e Síntese.


Image Google



Dialética

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.


Dialética (português brasileiro) ou Dialéctica (português europeu) (do grego διαλεκτική (τέχνη), pelo latimdialectĭca ou dialectĭce) é um método de diálogo cujo foco é a contraposição e contradição de ideias que leva a outras ideias e que tem sido um tema central na filosofia ocidental e oriental desde os tempos antigos.
"Aos poucos, passou a ser a arte de, no diálogo, demonstrar uma tese por meio de uma argumentação capaz de definir e distinguir claramente os conceitos envolvidos na discussão." "Aristóteles considerava Zenão de Eléia (aprox. 490-430 a.C.) o fundador da dialética. Outros consideraram Sócrates (469-399 AEC)". (Konder, 1987, p. 7).
Um dos métodos diáleticos mais conhecidos é o desenvolvido pelo filósofo alemão Hegel (1770-1831).

Visões sobre a dialética


Os elementos do esquema básico do método dialético são a tese, a antítese e a síntese.
A tese é uma afirmação ou situação inicialmente dada. A antítese é uma oposição à tese. Do conflito entre tese e antítese surge a síntese, que é uma situação nova que carrega dentro de si elementos resultantes desse embate. A síntese, então, torna-se uma nova tese, que contrasta com uma nova antítese gerando uma nova síntese, em um processo em cadeia infinito.
A filosofia descreve a realidade e a reflete, portanto a dialética busca, não interpretar, mas refletir acerca da realidade. Por isso, seus três momentos (tese, antítese e síntese) não são um método, mas derivam da dialética mesma, da natureza das coisas.
A dialética é a história do espírito, das contradições do pensamento que ela repassa ao ir da afirmação à negação. Em alemão aufheben significa supressão e ao mesmo tempo manutenção da coisa suprimida. O reprimido ou negado permanece dentro da totalidade.
Esta contradição não é apenas do pensamento, mas da realidade, já que ser e pensamento são idênticos. Esta é a proposição da dialética como método a partir de Hegel. Tudo se desenvolve pela oposição dos contrários: filosofia, arte, ciência e religião são vivos devido a esta dialética. Então, tudo está em processo de constante devir.
..............................................................................................................................................................................................................................

Dialética:Tese, Antítese e Síntese.

Usando o método dialético, responda as seguintes perguntas, em busca da "Síntese".

Formularei as teses, através do método dialético, que é o de formular perguntas.
Você responderá, o que consistirá na "Antítese".
Em busca da "Síntese"

Qual é a origem da vida no Planeta Terra?

A formação da primitiva cadeia de carbono/aminoácidos ocorreu no "Caldo Primitivo",  foi inoculada no "caldo primitivo" por poeiras de "Cometas", "chuvas de neutrinos", ou outro processo natural alienígena?

As mudanças geológicas e climáticas, ocorridas no passado, provocaram a extinção de outras civilizações em adiantado estágio de civilização?

Qual a causa da extinção de antigas civilizações que temos registros históricos, mas que desapareceram de forma repentina, misteriosamente?

Qual a origem do avançado conhecimento astronômico de antigas civilizações? Simples aldeões, iletrados, cansados de um dia de trabalho,sem instrumentos astronômicos, olhando para o horizonte, durante todas as noites do ano, foram capazes de adiantado conhecimento técnico em astronomia?

Quais as tecnologias usadas na construção de sofisticadas construções arquitetônicas das civilizações antigas, que foram capazes de cortar com simetria perfeita, toneladas de granitos, esculpindo figuras, prédios, monumentos, túmulos, templos, obras de "tirar o folego", mesmo diante dos recursos tecnológicos que dispomos em nosso tempo?

Atlântida foi uma simples lenda?

Quais os segredos ocultos em Stonehenge?

Quais segredos foram perdidos, com as Civilizações Maia, Azteca, Egípcia, Assíria, Medos, Persas, Babilônicas, Druidas, manuscritos originais do Velho Testamento, Biblioteca de Alexandria?

Quais as possíveis explicações para as misteriosas figuras geométricas nas Linhas e Geóglifos de Nazca, e das Pampas de Jumana?

A Ilha de Páscoa e a terra dos "Moais", com suas gigantescas esculturas?

Qual é o nosso roteiro na Via Láctea?

Qual é a origem da Lua?

O que acontece no centro da Via Láctea?

Existem formas de vidas inteligentes em outros Planetas?

Quais as implicações filosóficas e teológicas na hipótese da existência de vida alienígena?

Eram os "deuses", astronautas?

Quais as possibilidades de vida nas águas de "Enceladus"?

Aguardo, com ansiedade, suas respostas!

RUI SANTOS DE SOUZA
Brazil, Curitiba, 10 de julho de 2011 - 22h:28