Selecione seu idioma

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Compre uma vida humana: um dólar.



Qual é o preço de uma vida humana?

O "Jornal Nacional", Rede Globo de Televisão, JN,  de ontem, 05/01/2012, deu ampla cobertura à tragédias ambientais, acontecendo em diferentes regiões do Brasil.

Severas secas no Sul do, no Estado de Santa Catarina e no Norte do Estado do Paraná, com a estiagem provocando a morte de animais, e o desespero da população para obter água.

Chuvas devastadoras nos Estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, com deslizamentos de encostas urbanas e transbordamento de rios, em Petrópolis, Friburgo, Muriaé, e outras cidades da região.

Na Cidade de Campos, RJ, uma represa de água rompeu, causando inundação, com perdas de vidas, e enormes prejuízos financeiros, irrecuperáveis, para uma população pobre e desprotegida.

E a estação de chuvas de verão está começando, muitas outras tragédias acontecerão em outras regiões, do Brasil e do Mundo.

Qual é o preço de uma vida?

Milhares de vidas sacrificadas, em todo o mundo, em conseqüência da nossa indiferença e incapacidade de prevenir as tragédias ambientais.

As autoridades públicas são responsáveis, pois devido à corrupção, que desvia os recursos públicos, a negligência, imperícia, irresponsabilidade e a indiferença com o sofrimento alheio, não existe medidas preventivas eficientes.

Há uma ausência de ações efetivas e eficientes, e as mortes que poderiam ser evitadas, continuam acontecendo diariamente, em conseqüência da indiferença e a incapacidade de agir preventivamente.

Precisamos agir com rapidez e eficiência.

Diante deste quadro devastador, resolvemos apresentar uma proposta de ação.

Viajar por todo o Brasil, denunciando as áreas e situações de risco, exigindo, publicamente, as devidas providências, por parte das autoridades públicas, e mais, conscientizando, educando e mobilizando a população a fazer a sua parte.

Uma vida humana salva: um dólar.

Faça sua contribuição de um dólar, e iniciaremos a execução do nosso projeto de trabalho, visando salvar vidas humanas.

Em 2012 o mundo não vai acabar.

Em 2012 vamos salvar vidas.

Chega de timidez para fazer o bem.

Os que praticam o mal são ousados, e corajosos.

Estamos partindo para a briga, na linha de frente do campo de batalha.

Desafiamos você a fazer sua parte, doando um dólar, para financiar a execução deste projeto de salvar vidas humanas.

Você não vai ficar mais pobre ao doar um dólar.

Salvar muitas vidas, com um trabalho eficiente de alertas, denúncias, educação, conscientização, e mobilização popular.

BANCO DO BRASIL

AGÊNCIA: 2920-3

Conta Poupança: 21.735-2



RUI SANTOS DE SOUZA

Brasil, Curitiba, 06 de janeiro de 2012 – 09:14

ruisaldanha@twitter.com

ruisaldanha@facebook.com

www.dia-da-terra.blogspot.com

rui.santos@hotmail.com

Telefones: 55-41-9177-3684 / 55-41-9121-2713