Selecione seu idioma

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Brasil urgente: Hoje, 14/09/2015, a "vaca foi pro brejo", de vez, atolada até ao pescoço...

Google image

Brasil urgente: A vaca foi pro brejo; de vez, hoje, 14/09/2015.

Anotem em suas agendas, hoje a vaca atolou de vez.

As medidas anunciadas hoje, com o objetivo de salvar o Brasil da catástrofe econômica, seriam cômicas, se não fossem trágicas.

Onde vivemos, que tempo maldito é esse, em que vivemos?

Impedir aumento do funcionalismo público e adiar concursos é cortar gastos públicos? E vai conter a hemorragia financeira?

Quantos e quais Ministérios serão extintos? E quando?

Quantos cargos comissionados serão extintos? Onde e quando?

Qual as medidas urgentes e definitivas, já efetivadas para demitir todos os acusados de corrupção na maquina publica?

Foram suspensos os catões corporativos?

Foram suspensas as renovações de frotas?

Foram suspensas todas as viagens internacionais patrocinadas com verba pública?

Foram demitidos do serviço publico, por justa causa, todos os condenados por corrupção?

Foram suspensas todas as mordomias de passagens de avião, verbas de representação, auxílios moradias, verbas para combustível, diárias de hotel, correio, telefone, hotéis, compras milionárias de alimentação nos palácios governamentais? 
Onde e quando?

A lista é interminável!

E quanto à roubalheira institucionalizada, que sangra mortalmente os cofres públicos, quais as medidas já efetivadas? Onde e quando?

Esse governo pensa que nós somos idiotas, palhaços?

Quantas reuniões já foram feitas?

Quantas horas desperdiçadas, combustível, telefone, almoços, jantares, para discutir o quê?

Não há necessidade de reunião alguma.

O Brasil está morrendo, e os Ministros, e a Presidente, (simbolicamente os médicos) estão em intermináveis reuniões?

É hora de ação, rápida, eficiente, contra a corrupção, contra o desperdício do dinheiro publico, contra as mordomias, de obras inacabadas, obras superfaturadas, propinas, subornos, pagamentos indecentes de salários milionários à uma horda de malfeitores travestidos de servidores públicos, que dilapidaram, saquearam, desmoralizaram, zombaram e destruíram cinicamente o Brasil.

E temos hoje mais uma demonstração da mais absoluta incapacidade de percepção da realidade nacional, por parte de uma equipe de ministros ridiculamente ineficientes, técnica e moralmente  desacreditados, sem credibilidade alguma.

Honestamente, isso de fazer pirotécnicas reuniões ministeriais sem resultado prático algum, simplesmente mais uma sucessão de mentiras e gestos caricatos , já está virando uma piada de muito mau gosto, que ninguém aguenta mais.

Esse Desgoverno da Dilma e do PT virou uma palhaçada, um circo mambembe de quinta categoria.

Quem vai dar um basta nisso?

Não existe nada ou ninguém que possa dar um basta nesta palhaçada interminável, enquanto a corda aperta cada vez mais no pescoço dos trabalhadores brasileiros?

Dia da Terra
Brasil, Curitiba, 14 de agosto de 2015