Selecione seu idioma

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Ao Hospital do Trabalhador de Curitiba

Ao
Hospital do Trabalhador de Curitiba
Ao Governador do Estado do Paraná Beto Richa
Ao Prefeito de Curitiba Luciano Ducci
Secretaria de Saúde do Município de Curitiba
À Secretaria de Saúde do Estado do Paraná
À Mídia Eletrônica de Curitiba


Meu filho, Prontuário 179096, 22 anos de idade, residente e domiciliado em Curitiba, no Bairro Água Verde, Curitiba, PR, Acadêmico de Direito na UNICURITIBA, Estagiário do Fórum Cível de Curitiba, acometido de um "cisto pilonidal", já sofreu duas intervenções cirúrgicas no Hospital do Trabalhador, e as duas não obtiveram sucesso.

Foi marcada uma nova cirurgia para hoje, dia 11 de abril de 2012 (hoje).

Ele está sangrando, pois a última cirurgia não cicatrizou, e foi marcada para hoje uma nova cirurgia de correção da anterior.

Chegou ao Hospital do Trabalhador, hoje, as 07:30 hs, em jejum desde ontem, e junto com a mãe, sentado numa cadeira dura, sem nenhum conforto, sangrando até as 16:30 hs, quando receberam a notícia que  não havia centro cirúrgico disponível, que voltassem para casa, e aguardar um telefone, sem nenhuma previsão de data de quando ocorrerá a cirurgia.

O meu filho pediu dispensa da faculdade para o período pós-operatório, pediu licença do Fórum Cível de Curitiba, e agora está desorientado, revoltado e sem saber o que fazer, quanto tempo mais vai aguardar.

É vergonhoso, humilhante e ultrajante o tratamento que o "Estado" está dando aos seus cidadãos.

Solicito que providências  cabíveis sejam tomadas pelas autoridades competentes, e que a cirurgia seja efetuada com a urgência que a situação exige, pois o meu filho não pode continuar perdendo sangue, e correndo risco de vida aos 22 anos de idade por incapacidade da Secretaria de Saúde do Município e do Estado, que ainda iludem os cidadãos com fantasiosas mensagens de Marketing meramente político e eleitoreiro.

O Funcionário que os dispensou ainda anotou na ficha para retorno: "computador não está funcionado".

É uma vergonha!

Aguardo providências, e denuncio o descaso com que os cidadãos estão sendo tratados no Brasil.

Coloco-me ao inteiro dispor da Imprensa Brasileira, para documentar e denunciar mais este deboche e descaso com a saúde dos brasileiros.

RUI SANTOS DE SOUZA
Rua Professor Assis Gonçalves, 105 - Ap. 13 Bloco C
Curitiba - Paraná - Brasil - 80.620-250
Telefones: (041)  3015-6418  -  (041)  9977-3684