Selecione seu idioma

quinta-feira, 19 de março de 2015

Brasil: Beco sem Saída...

Google Image

O   Brasil encontra-se num   "Beco  sem  Saída".

A  Ex-Presidente  do Brasil continua legalmente na  função, mas  perdeu a capacidade   de  governar  o  País.

Está  terceirizando o  comando  do   País   ao  PMDB.

Nenhuma  sigla  partidária hoje  no  Brasil,  nenhum político brasileiro  possuem  mais credibilidade alguma,  até   que termine a  apuração da  "Operação  Lava-Jato",   que  irá determinar a  extensão e  a  profundidade  da corrupção em  todos os  segmentos  da administração  pública  brasileira,  em todos os níveis dos  três  poderes.

Mas   o   Brasil   está  paralisado,  pior,  andando  pra  trás.

A  Economia entrou em colapso,  em perigosa queda  livre, sem que  ninguém  seja  capaz   de  prever  as  consequências  de  tal  queda.

Qual  é  a   saída?

Virar  tudo  de  cabeça  pra baixo.

Google Image

Desmontar  tudo.

Colocar  tudo abaixo e construir  outro  País.

Casa  caindo,  desmoronada,  sem conserto, qualquer  engenheiro  civil sabe que a única  solução é desmontar  e  fazer outra.

Casamento  que  acabou, a  única  saída é o divórcio, e  começar  tudo de  novo, com  outra  pessoa,  senão  for feito, termina em morte.

O  Brasil  de Cabral,  dos  portugueses,  colonial, corrupto,  acabou,  de  população  analfabeta  politicamente,  acabou.

Consequência do mundo moderno, interligado,  conectado, bem-informado,  politizado,  consciente,  crítico e  exigente.

Qual é  saída então?

A renúncia da  Presidente Dilma.

Joaquim  Barbosa na  Presidência  do Brasil.

Juiz Sergio Moro  na   Presidência do STF.

Fechamento  de todas as  Casas  Legislativas do  Brasil: no  âmbito  Federal, Estaduais e  Municipais.

Cassação  do mandato de todos os políticos  brasileiros:  Senadores,  Deputados,  Prefeitos,  Vereadores.

Fechamento   sumário de  todos  os  partidos  políticos.

Politica e  democraticamente é  impossível fazer,  pois  será uma  operação de guerra,   uma  verdadeira  revolução.

Mas  pode   ser exequível sem  derramamento de sangue,  com o  apoio da população brasileira revoltada,  e  fora os  corruptos,  não  existe  registro  de nenhum  segmento da  população  brasileira  satisfeita com a corrupção.

Respeitando o  direito à vida  humana,   será  uma  tarefa  EXECUTADA  pelas  Forças Armadas  Brasileiras,  que   executará as  ações  necessárias de  segurança  nacional, e  submeter-se-a,  às  novas ordens emanadas do  novo  poder.

Lamentavelmente não vemos outra saída  política  para  esta  crise institucional, estrutural,  que  poderá  terminar com a desintegração  do  País.

A  outra possível será o  povo  na  rua, mortes,  derramamento de  sangue civil.

Se  alguém  vê  outra  saída para  o  Brasil,  sem uma revolução,  que  possa conseguir  acabar com a corrupção, seja  patriota  e a apresente.

Será  bem-vinda,  e retiraremos nossa  proposta de mudanças  radicais, mas sem revolução sangrenta nas ruas.


Dia da  Terra
Brasil, 19  de março de 2015
Google Image